topo
Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)   |
   Ano 06 - Edição 41 - Novembro de 2012
   Ano 13 - Edição 112 - Setembro/Outubro de 2019 
   Ano 13 - Edição 111 - Agosto de 2019 
   Ano 13 - Edição 110 - Julho de 2019 
   Ano 13 - Edição 109 - Junho de 2019 
   Ano 13 - Edição 108 - Maio de 2019 
   Ano 13 - Edição 107 - Abril de 2019 
   Ano 13 - Edição 106 - Março de 2019 
   Ano 13 - Edição 105 - Janeiro/Fevereiro de 2019 
   Ano 12 - Edição 104 - Nov. e Dezembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 103 - Outubro de 2018 
   Ano 12 - Edição 102 - Setembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 101 - Agosto de 2018 
 
 
seta
  NOTÍCIAS logo Embrapa
  imagem da notícia  
Tecnologia da Embrapa Milho e Sorgo chegará à África em 2013

O controle biológico é uma tecnologia que tem sido colocada em prática em diferentes culturas agrícolas. A Embrapa Milho e Sorgo possui estudos na área de controle da principal praga que ataca o milho no país, a lagarta-do-cartucho. Entre as opções, estão o Baculovirus spodoptera e o Bt (Bacillus thuringiensis). Para ambos os agentes, existem em funcionamento biofábricas, empresas que comercializam produtos eficientes no controle da praga.

Em Uberaba-MG, está instalada uma biofábrica que trabalha com baculovírus. Já o Bt é trabalhado em empresas em Patos de Minas-MG e no Ceará e está sendo negociado no Rio Grande do Sul. Nestes dois últimos estados, existem parcerias com órgãos públicos. E a tecnologia Bt como controle biológico será, agora, implantada na África.

Através de projeto liderado pela Embrapa Milho e Sorgo e por Mali, haverá produção de biopesticida à base de Bt em três países africanos: Mali, Burkina Faso e Niger. De acordo com Fernando Hercos Valicente, pesquisador da Embrapa Milho e Sorgo, o projeto foi aprovado dentro do convênio Brazil-África e objetiva “repassar a tecnologia de biofábricas de Bt, produzidos em laboratório usando o arroz como substrato de crescimento. Meio barato e ao alcance de todos”.

Os trabalhos estão começando, mas já houve a definição de um plano de ação a respeito da montagem das biofábricas. Fernando deve ir à África no próximo ano, dentro do projeto. Em relação à importância da transferência de tecnologias da Embrapa para outros países, o pesquisador ressalta: “temos tecnologias ao alcance de todos os tipos de produtores e acho que estas tecnologias devem ser incentivadas e repassadas”.

A biofábrica de Bt com produção utilizando o arroz, por exemplo, “não é cara de se manter e pode eliminar vários problemas que os inseticidas químicos acarretam para o meio ambiente, trazendo benefícios inestimáveis a curto, médio e longo prazos”, completa o pesquisador. Abre-se, portanto, mais uma perspectiva de utilização, por parte dos produtores, de tecnologia desenvolvida pela Embrapa.

Publicações – Há diferentes publicações técnicas sobre controle biológico da lagarta-do-cartucho, tanto usando baculovírus, como Bt. A seguir, algumas delas, disponíveis gratuitamente para leitura, com os respectivos links:

Controle biológico da lagarta do cartucho, Spodoptera frugiperda, com baculovírus

Controle biológico da lagarta do cartucho, Spodoptera frugiperda, com Bacillus thuringiensis

Uso de meios alternativos para produção de bioinseticida à base de Bacillus thuringiensis

Texto: Clenio Araujo (MTb / MG 06279 JP)
Jornalista / Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)
www.cnpms.embrapa.br
NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)
Tel.: (31) 3027-1223
Cel.: (31) 9974-3282
E-mail: clenio@cnpms.embrapa.br

  COMENTÁRIOS  
 
Nome Completo
E-mail
Comentário
OBS.: Os comentários são previamente analisados antes de sua publicação.
 
 
 
 
Tiago Jorge de Araujo Barbosa | 22/11/2012 - 22:37
Boa Noite. Gostaria de saber, se a Empresa já realizou ou realiza, algum trabalho com controle de "lagarta-do-cartucho" utilizando a adubação com silício, pois já vi diversos trabalhos que obtiveram êxito em seu controle? A pergunta é de interesse diversos, haja vista que o Si é um produto que existe em abundância e por ser de baixissimo custo. Obrigado!
Santin Gravena | 23/11/2012 - 04:28
Fernando, bom dia

Parabéns pela conquista.

Abraço
Santin
MARCELO AUGUSTO PEIXOTO COMPARINI | 26/11/2012 - 05:16
CLENIO GOSTARIA, SE POSSÍVEL OS CONTATOS DESTAS DUAS FABRICAS POIS ESTOU NA REGIÃO DE UBERLANDIA E ESTES PRODUTOS ME INTERESSAM DESDE JA AGRADEÇO E AGUARDO CONTATO
Clenio Araujo | 04/12/2012 - 08:18
Bom dia, pessoal

Os comentários foram repassados ao pesquisador Fernando Valicente.

Obrigado pelos contatos.
francismar lessa | 30/01/2013 - 19:05
Gostaria muito de conseguir sementes de milho crioulo(negro), poucas sementes porque o local para plantio é pequeno,umas dez sementes seria suficiente. Como posso conseguí-las? Obrigado.
Guilherme Ferreira Viana | 01/02/2013 - 14:30
Prezado Sr. Francismar. Obrigado pelo contato e interesse. O BAG (Banco Ativo de Germoplasma) da Embrapa Milho e Sorgo atende somente a pedidos de instituições de ensino, pesquisa e extensão. Uma alternativa para o senhor seria procurar a Emater do seu Estado ou associações de produtores de milho. As mesmas devem ter em seus cadastros contatos de produtores dessas variedades do cereal. Estamos sempre à disposição para visitas e/ou consultas.
Heloisa Andrade Garcia | 14/04/2014 - 12:09
Olá, gostaria de saber o preço dos bioinseticidas e qual o valor do frete!

Obrigada.
Marina Torres | 14/04/2014 - 13:14
Boa tarde, Heloisa

Encaminhamos sua mensagem ao pesquisador citado na matéria. Assim que tivermos retorno, postaremos aqui.

Obrigado pelo contato

Atenciosamente

Equipe de Comunicação da Embrapa Milho e Sorgo
Marina Torres | 17/04/2014 - 13:20
Heloisa

A fabricação de bioinseticidas através de parcerias entre Embrapa e outras empresas está em fase de negociação.

Uma das empresas privadas que trabalham com controle biológico é a Bug Agentes Biológicos. Os contatos são: bug@bugagentesbiologicos.com.br e (19) 3435 - 7435 / 3425 - 2002.

Atenciosamente

Equipe de Comunicação da Embrapa Milho e Sorgo
  ESPAÇO DO LEITOR
 
imagem de envelope

Entre em contato com a equipe que produz o jornal eletrônico Grão em Grão. Sugira reportagens, temas para serem abordados nos artigos, eventos, enfim, emita seu ponto de vista sobre o jornal. Você tem duas maneiras de interagir conosco:

por e-mail: cnpms.nco@embrapa.br ou
por telefone: (31) 3027-1272

  CADASTRO
 

Para se cadastrar e receber nosso informativo via e-mail, clique aqui.

Acesse também o nosso jornal no endereço http://grao.cnpms.embrapa.br

Caso queira, a qualquer momento, cancelar o recebimento do informativo, clique aqui ou envie uma mensagem para cnpms.nco@embrapa.br solicitando a retirada de seu nome da lista de leitores.

  EXPEDIENTE
 

O jornal eletrônico Grão em Grão faz parte do Programa de Comunicação Organizacional da Embrapa Milho e Sorgo.

Supervisor do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional): Guilherme Viana

Jornalistas responsáveis: Clenio Araujo (MG 6279 JP), Guilherme Viana (MG 06566 JP) e Marina Torres (MG 08577 JP)

Desenvolvedor: Luiz Fernando Severnini

Programador Visual: Alexandre Esteves Neves

Edição: NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)

Revisão: Antonio Claudio da Silva Barros

Fotos desta edição: Arquivo NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional) da Embrapa Milho e Sorgo

Chefia da Embrapa Milho e Sorgo: Antônio Álvaro Corsetti Purcino (chefe-geral), Sidney Netto Parentoni (chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento), Jason de Oliveira Duarte (chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia) e Maria José Vilaça de Vasconcelos (chefe-adjunta de Administração)

 
logo da Embrapa