topo
Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)   |
   Ano 10 - Edição 72 - Abril de 2016
   Ano 13 - Edição 112 - Setembro/Outubro de 2019 
   Ano 13 - Edição 111 - Agosto de 2019 
   Ano 13 - Edição 110 - Julho de 2019 
   Ano 13 - Edição 109 - Junho de 2019 
   Ano 13 - Edição 108 - Maio de 2019 
   Ano 13 - Edição 107 - Abril de 2019 
   Ano 13 - Edição 106 - Março de 2019 
   Ano 13 - Edição 105 - Janeiro/Fevereiro de 2019 
   Ano 12 - Edição 104 - Nov. e Dezembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 103 - Outubro de 2018 
   Ano 12 - Edição 102 - Setembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 101 - Agosto de 2018 
 
 
seta
  NOTÍCIAS logo Embrapa
  imagem da notícia  
Congresso de milho e sorgo debate impactos de tecnologias geradas por instituições de pesquisa

“Milho e sorgo: inovações, mercados e segurança alimentar” é o tema do 31º Congresso Nacional de Milho e Sorgo que será realizado em Bento Gonçalves-RS de 25 a 29 de setembro. O evento dará ênfase às discussões sobre os impactos das novas tecnologias geradas pelas instituições públicas e privadas de pesquisa e seus desdobramentos nas áreas de ensino, pesquisa e extensão nas culturas de milho e sorgo no Brasil.

O congresso abrigará também dois workshops – um sobre o manejo integrado da lagarta-do-cartucho e o segundo sobre o percevejo-barriga-verde em milho – além de duas reuniões técnicas sobre os cereais em questão. O objetivo é reunir pesquisadores, produtores, extensionistas, técnicos e dirigentes de indústrias de insumos e de máquinas e equipamentos agrícolas, de cooperativas, além de professores e estudantes, para analisar os avanços das tecnologias responsáveis pelo desenvolvimento das culturas de milho e sorgo.

Segundo o pesquisador da Embrapa Milho e Sorgo Décio Karam, presidente da Associação Brasileira de Milho e Sorgo, entidade responsável pela realização do evento, a escolha do tema “Inovações, mercado e segurança alimentar” é em função da conjuntura atual e também fundamentada nas discussões em congressos anteriores.  “Um dos destaques da programação é a palestra que tratará dos impactos da globalização na manutenção da diversidade genética e segurança alimentar”, acrescenta.

As inscrições estão abertas e o primeiro lote com valores promocionais encerra no próximo dia 30 de maio. Veja aqui. Abaixo, conheça a programação do evento, também disponível em www.abms.org.br/cnms/prog_congresso.html . A promoção é da ABMS (Associação Brasileira de Milho e Sorgo), com realização da Embrapa, Fepagro (Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária), Emater/RS-Ascar (Associação Rio-Grandense de Empreendimentos de Assistência Técnica e Extensão Rural) e Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Na primeira semana de abril, a comissão organizadora do evento visitou algumas Unidades da Embrapa localizadas no Sul do país para discutir a elaboração de parcerias e detalhes da programação.

Evento: 31º Congresso Nacional de Milho e Sorgo

Data: 25 a 29 de setembro de 2016

Local: Bento Gonçalves-RS

 

Destaques da programação:

Conferência: O desafio da produção sustentável frente à demanda crescente por alimentos saudáveis

 

Painéis:

1 – Desafios e potencialidades técnicas das cadeias produtivas de milho e sorgo

2 – Desafios para a produção de milho e sorgo

3 – Aumento de produtividade de milho e sorgo no Brasil

4 – Mercados especiais para milho e sorgo

5 – Estratégias de utilização de milho e sorgo na alimentação animal

6 – Inovações em sistemas produtivos

7 – Sistemas integrados de produção

8 – Avanços da biotecnologia em milho e sorgo

 

Palestras:

1 – Impactos da globalização na manutenção da diversidade genética e segurança alimentar

2 – Tecnologia da Informação aplicada à agricultura

3 – Políticas de mercado do milho e sorgo

4 – Políticas públicas - conservar para produzir melhor

5 – Economia mundial e seu impacto no agronegócio de milho e sorgo

6 – Banco mundial de sementes e a segurança da biodiversidade

7 – Potencial e perspectivas da cultura do sorgo frente à demanda mundial de grãos

8 – Armazenamento e qualidade de grãos de milho e sorgo

9 – Milheto-grão como alternativa alimentar de suínos e aves

 

Workshops:

1 – Manejo Integrado de Spodoptera frugiperda na era atual

2 – Estado da arte do percevejo barriga verde (Dichelops spp) em milho

 

Texto: Guilherme Viana (MG 06566 JP)
Jornalista / Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)
Tel.: (31) 3027-1905
E-mail: milho-e-sorgo.imprensa@embrapa.br

  COMENTÁRIOS  
 
Nome Completo
E-mail
Comentário
OBS.: Os comentários são previamente analisados antes de sua publicação.
 
 
 
 
  ESPAÇO DO LEITOR
 
imagem de envelope

Entre em contato com a equipe que produz o jornal eletrônico Grão em Grão. Sugira reportagens, temas para serem abordados nos artigos, eventos, enfim, emita seu ponto de vista sobre o jornal. Você tem duas maneiras de interagir conosco:

por e-mail: cnpms.nco@embrapa.br ou
por telefone: (31) 3027-1272

  CADASTRO
 

Para se cadastrar e receber nosso informativo via e-mail, clique aqui.

Acesse também o nosso jornal no endereço http://grao.cnpms.embrapa.br

Caso queira, a qualquer momento, cancelar o recebimento do informativo, clique aqui ou envie uma mensagem para cnpms.nco@embrapa.br solicitando a retirada de seu nome da lista de leitores.

  EXPEDIENTE
 

O jornal eletrônico Grão em Grão faz parte do Programa de Comunicação Organizacional da Embrapa Milho e Sorgo.

Supervisora do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional): Mônica Castro

Jornalistas responsáveis: Guilherme Viana (MG 06566 JP), José Heitor Vasconcellos (RJ 12914 JP), Marina Torres (MG 08577 JP) e Sandra Brito (MG 06230 JP)

Desenvolvedor: Luiz Fernando Severnini

Programador Visual: Alexandre Esteves Neves

Edição: NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)

Revisão: Antonio Claudio da Silva Barros

Fotos desta edição: Guilherme Viana, Jane Machado, Miguel Gontijo, Sandra Brito, arquivo NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional) da Embrapa Milho e Sorgo.

Chefia da Embrapa Milho e Sorgo: Antônio Álvaro Corsetti Purcino (chefe-geral), Sidney Netto Parentoni (chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento), Jason de Oliveira Duarte (chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia) e Mônica Aparecida Nazareno (chefe-adjunta de Administração)

 
logo da Embrapa