topo
Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)   |
   Ano 10 - Edição 76 - Agosto de 2016
   Ano 13 - Edição 112 - Setembro/Outubro de 2019 
   Ano 13 - Edição 111 - Agosto de 2019 
   Ano 13 - Edição 110 - Julho de 2019 
   Ano 13 - Edição 109 - Junho de 2019 
   Ano 13 - Edição 108 - Maio de 2019 
   Ano 13 - Edição 107 - Abril de 2019 
   Ano 13 - Edição 106 - Março de 2019 
   Ano 13 - Edição 105 - Janeiro/Fevereiro de 2019 
   Ano 12 - Edição 104 - Nov. e Dezembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 103 - Outubro de 2018 
   Ano 12 - Edição 102 - Setembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 101 - Agosto de 2018 
 
 
seta
  NOTÍCIAS logo Embrapa
  imagem da notícia  
Anuário Brasileiro do Milho 2016 é lançado

O Anuário Brasileiro do Milho, publicação da Editora Gazeta Santa Cruz, especializada em anuários de agronegócio, que hoje constituem referência no âmbito das publicações voltadas para o universo da agropecuária no Brasil, acaba de ser lançado. Denominado como “a máquina do progresso”, o milho, segundo grão mais importante no agronegócio nacional e um dos mais estratégicos para o abastecimento, tem toda sua versatilidade apresentada nas 100 páginas da publicação.

Em sua introdução, o Anuário classifica o cereal como um “balizador” ou “divisor de águas” na sustentação das cadeias da pecuária. “(...) O milho soube se reinventar de tal forma, ou migrou [por seus méritos de pesquisa e tecnologia] para um ciclo mais tardio. É nessa segunda safra, formada fora da época convencional, que o cereal hoje reina quase absoluto. E, se isso já não bastasse, há regiões que inclusive fazem uma terceira safra, ainda mais fora de época”, diz um trecho da apresentação inicial.

A equipe de jornalistas do Anuário contou com a colaboração de diversos pesquisadores da Embrapa Milho e Sorgo para sua redação, além de fontes que representam os agentes da cadeia produtiva do cereal, como Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), Abramilho (Associação Brasileira dos Produtores de Milho), Anec (Associação Nacional dos Exportadores de Cereais), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, profissionais de empresas multinacionais e de cooperativas, entre outros.

A publicação também dedica um capítulo à cultura do sorgo, no qual são retratados aspectos como mercado, área produzida e produtividade, além dos diferenciais desse cereal em relação ao milho. Abaixo, veja a relação das matérias publicadas que tiveram a contribuição de pesquisadores da Embrapa Milho e Sorgo. A articulação das entrevistas e algumas sugestões de temas ficaram a cargo dos jornalistas do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional) da Unidade. O Anuário Brasileiro do Milho tem acesso gratuito e pode ser lido ou baixado na página da Editora Gazeta. Clique aqui. A publicação traz também a versão em inglês das matérias.

 

Anuário Brasileiro do Milho 2016

Editoria Mercado

Cada grão conta muito (Página 45)Matéria com colaboração do pesquisador Rubens Augusto de Miranda, da área de Economia Agrícola.

Fazendo cálculos (Página 48) – Texto com depoimento do mesmo pesquisador.

 

Editoria Tecnologia

Resistir é preciso (Página 59) – Matéria sobre Manejo Integrado de Pragas com colaboração da pesquisadora Simone Martins Mendes.

Pragas compartilhadas (Página 62) – Texto sobre pragas iniciais que atacam a cultura do milho com a participação do pesquisador Paulo Afonso Viana.

Tudo junto reunido (Página 64) – Vantagens da ILP (Integração Lavoura-Pecuária). Contribuição dos pesquisadores Miguel Marques Gontijo Neto, Emerson Borghi e Álvaro Vilela de Resende.

Construindo o lucro (Página 68) – Manejo da adubação em solos com fertilidade construída. Colaboração do pesquisador Álvaro Vilela de Resende.

 

Editoria Pesquisa

O primeiro passo (Página 72)Disponibilidade de sementes híbridas e transgênicas de milho no mercado. Fonte: pesquisador Israel Alexandre Pereira Filho.

Para lá de especial (Página 76)Foco em milhos especiais tendo como entrevistado o mesmo pesquisador.

 

Editoria Eventos

Subindo a serra (Página 96)Destaque para a 31ª edição do Congresso Nacional de Milho e Sorgo, que acontece em Bento Gonçalves-RS, de 25 a 29 de setembro deste ano, com entrevista do pesquisador Décio Karam.

 

Texto: Guilherme Viana (MG 06566 JP)
Jornalista / Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)
Tel.: (31) 3027-1905
E-mail: milho-e-sorgo.imprensa@embrapa.br 

 

 

  COMENTÁRIOS  
 
Nome Completo
E-mail
Comentário
OBS.: Os comentários são previamente analisados antes de sua publicação.
 
 
 
 
  ESPAÇO DO LEITOR
 
imagem de envelope

Entre em contato com a equipe que produz o jornal eletrônico Grão em Grão. Sugira reportagens, temas para serem abordados nos artigos, eventos, enfim, emita seu ponto de vista sobre o jornal. Você tem duas maneiras de interagir conosco:

por e-mail: cnpms.nco@embrapa.br ou
por telefone: (31) 3027-1272

  CADASTRO
 

Para se cadastrar e receber nosso informativo via e-mail, clique aqui.

Acesse também o nosso jornal no endereço http://grao.cnpms.embrapa.br

Caso queira, a qualquer momento, cancelar o recebimento do informativo, clique aqui ou envie uma mensagem para cnpms.nco@embrapa.br solicitando a retirada de seu nome da lista de leitores.

  EXPEDIENTE
 

O jornal eletrônico Grão em Grão faz parte do Programa de Comunicação Organizacional da Embrapa Milho e Sorgo.

Supervisor do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional): Aurélio Martins Favarin

Jornalistas responsáveis: Guilherme Viana (MG 06566 JP), José Heitor Vasconcellos (RJ 12914 JP), Marina Torres (MG 08577 JP) e Sandra Brito (MG 06230 JP)

Desenvolvedor: Luiz Fernando Severnini

Programador Visual: Alexandre Esteves Neves

Edição: NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)

Revisão: Antonio Claudio da Silva Barros

Fotos desta edição: Daniel Pereira Guimarães, Fernanda Ikeda, Guilherme Viana, Olímpio Filho, Sandra Brito, Walter Matrangolo e Arquivo NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional) da Embrapa Milho e Sorgo.

Chefia da Embrapa Milho e Sorgo: Antônio Álvaro Corsetti Purcino (chefe-geral), Sidney Netto Parentoni (chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento), Jason de Oliveira Duarte (chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia) e Mônica Aparecida Nazareno (chefe-adjunta de Administração)

 
logo da Embrapa