topo
Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)   |
   Ano 06 - Edição 35 - Abril de 2012
   Ano 12 - Edição 104 - Nov. e Dezembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 103 - Outubro de 2018 
   Ano 12 - Edição 102 - Setembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 101 - Agosto de 2018 
   Ano 12 - Edição 100 - Julho de 2018 
   Ano 12 - Edição 99 - Junho de 2018 
   Ano 12 - Edição 98 - Maio de 2018 - Especial 
   Ano 12 - Edição 97 - Maio de 2018 
   Ano 12 - Edição 96 - Abril de 2018 - Especial 
   Ano 12 - Edição 95 - Março de 2018 
   Ano 12 - Edição 94 - Fevereiro de 2018 
   Ano 12 - Edição 93 - Janeiro de 2018 
 
 
seta
  NOTÍCIAS logo Embrapa
  imagem da notícia  
Embrapa Milho e Sorgo apresenta tecnologias em grandes feiras

A Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG) apresentará tecnologias em dois grandes eventos do agronegócio em abril e maio. De 9 a 13 de abril, em Rio Verde-GO, haverá participação da Unidade na Tecnoshow Comigo, feira que tem a diversidade como marca registrada. Máquinas e equipamentos agropecuários, plots agrícolas, animais das mais variadas espécies, palestras técnicas, econômicas e educação ambiental são alguns atrativos do evento.

Já entre os dias 30 de abril e 04 de maio, é a vez da Agrishow, Feira Internacional da Tecnologia Agrícola em Ação, que ocorre em Ribeirão Preto-SP. Os 360 mil m² destinados à edição deste ano serão palco de demonstrações de máquinas e equipamentos agrícolas das principais empresas do mercado, além de rodadas de negócios e visitas técnicas.

Tanto na Tecnoshow Comigo como na Agrishow, profissionais da área de Transferência de Tecnologia da Embrapa Milho e Sorgo apresentarão as características e utilidades do sorgo sacarino. Trata-se de uma forrageira com alta produção de biomassa verde. A planta tem uma característica particular: colmos ricos em caldo que é, por sua vez, rico em sacarose. Ao passar as plantas em moendas, é possível extrair caldo semelhante ao da cana-de-açúcar, que pode ser utilizado para a produção de etanol.

O sorgo sacarino tem se mostrado uma opção promissora como matéria-prima para o etanol durante a entressafra da cana-de-açúcar. Quando as usinas de beneficiamento de cana tradicionalmente ficam paradas, o sorgo sacarino é capaz de abastecê-las, evitando a grande queda na produção de etanol, principalmente nos meses de março e abril.

Em relação à cana-de-açúcar, o sorgo sacarino é uma planta de ciclo mais rápido - em torno de 120 dias, tem menor exigência hídrica e nutricional, sendo bastante tolerante à seca, além de ser uma cultura que pode ser totalmente mecanizada, desde o plantio à colheita.

Na Tecnoshow Comigo, a Embrapa Milho e Sorgo também apresentará o minimilho, uma alternativa interessante de cultivo para os produtores rurais brasileiros. O minimilho nada mais é do que a espiga ainda jovem do milho, colhida antes da polinização, ou seja, da formação dos grãos.

A colheita pode ser realizada até aos 45 dias (nos meses de verão) ou até aos 70 dias (durante o inverno). Portanto, o tempo do plantio até a colheita do minimilho é, em média, a metade do tempo normal para a cultura do milho, que fica em torno de 120 dias. O ponto de colheita do minimilho se dá com dois ou três dias após a emissão dos cabelos, antes da fertilização das espigas ainda jovens. Conforme o local, as condições de solo, clima e a cultivar escolhida, podem ser feitos até cinco plantios de minimilho no mesmo ano.

A exploração comercial da cultura é uma boa opção de renda. Pequenas agroindústrias familiares podem fazer o preparo do minimilho minimamente processado ou em conserva. A venda para supermercados e restaurantes, por exemplo, pode ser um dos filões de mercado.

Considerada uma hortaliça, o minimilho tem tudo para passar a ser consumido cada vez mais e fazer parte da dieta alimentar dos brasileiros. A Embrapa Milho e Sorgo disponibiliza informações técnicas sobre produção e processamento do minimilho.

 

Texto: Marina Torres (MG 08577 JP)
Jornalista / Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)
www.cnpms.embrapa.br
Núcleo de Comunicação Organizacional (NCO)
Tel.: (31) 3027-1272
E-mail: marina@cnpms.embrapa.br

  COMENTÁRIOS  
 
Nome Completo
E-mail
Comentário
OBS.: Os comentários são previamente analisados antes de sua publicação.
 
 
 
 
  ESPAÇO DO LEITOR
 
imagem de envelope

Entre em contato com a equipe que produz o jornal eletrônico Grão em Grão. Sugira reportagens, temas para serem abordados nos artigos, eventos, enfim, emita seu ponto de vista sobre o jornal. Você tem duas maneiras de interagir conosco:

por e-mail: cnpms.nco@embrapa.br ou
por telefone: (31) 3027-1272

  CADASTRO
 

Para se cadastrar e receber nosso informativo via e-mail, clique aqui.

Acesse também o nosso jornal no endereço http://grao.cnpms.embrapa.br

Caso queira, a qualquer momento, cancelar o recebimento do informativo, clique aqui ou envie uma mensagem para cnpms.nco@embrapa.br solicitando a retirada de seu nome da lista de leitores.

  EXPEDIENTE
 

O jornal eletrônico Grão em Grão faz parte do Programa de Comunicação Organizacional da Embrapa Milho e Sorgo.

Supervisor do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional): José Heitor Vasconcellos

Jornalistas responsáveis: Clenio Araujo (MG 6279 JP), Guilherme Viana (MG 06566 JP) e Marina Torres (MG 08577 JP)

Desenvolvedor: Luiz Fernando Severnini

Programador Visual: Alexandre Esteves Neves

Edição: NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)

Revisão: Antonio Claudio da Silva Barros

Fotos desta edição: Arquivo NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional) da Embrapa Milho e Sorgo

Chefia da Embrapa Milho e Sorgo: Antônio Álvaro Corsetti Purcino (chefe-geral), Sidney Netto Parentoni (chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento), Jason de Oliveira Duarte (chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia) e Maria José Vilaça de Vasconcelos (chefe-adjunta de Administração)

 
logo da Embrapa