topo
Jornal Eletrônico da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG)   |
   Ano 13 - Edição 109 - Junho de 2019
   Ano 13 - Edição 112 - Setembro/Outubro de 2019 
   Ano 13 - Edição 111 - Agosto de 2019 
   Ano 13 - Edição 110 - Julho de 2019 
   Ano 13 - Edição 108 - Maio de 2019 
   Ano 13 - Edição 107 - Abril de 2019 
   Ano 13 - Edição 106 - Março de 2019 
   Ano 13 - Edição 105 - Janeiro/Fevereiro de 2019 
   Ano 12 - Edição 104 - Nov. e Dezembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 103 - Outubro de 2018 
   Ano 12 - Edição 102 - Setembro de 2018 
   Ano 12 - Edição 101 - Agosto de 2018 
   Ano 12 - Edição 100 - Julho de 2018 
 
 
seta
  NOTÍCIAS logo Embrapa
  imagem da notícia  
Reunião vai discutir abastecimento de milho na Região Sul

O Brasil deverá registrar uma safra de milho com mais de 99,7 milhões de toneladas de grãos em 2019, e mais da metade desse volume deverá ser destinada à alimentação animal. Nos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, a produção é capaz de abastecer apenas a metade da demanda, concentrada na alimentação de suínos e aves, além de outros usos como a silagem e rações para a produção de leite. Este é um dos temas que serão discutidos na Reunião Técnica Sul-Brasileira de Pesquisa de Milho e Sorgo (MISOSUL), realizada de 12 a 14 de agosto, em Chapecó-SC.

A Região Sul responde por 45% do milho 1ª safra no Brasil, com produção estimada em quase 12 milhões de toneladas (CONAB, jun 2019). Com exceção do Paraná, que conta com o reforço do milho safrinha ou segunda safra, Rio Grande do Sul e Santa Catarina produzem menos da metade do milho que consomem. Nesta safra, as lavouras gaúchas produziram 5,7 milhões de toneladas de grãos de milho para abastecer a demanda de 6,5 milhões de toneladas; e Santa Catarina, segundo maior consumidor nacional, produziu 2,8 milhões de toneladas para atender a demanda de 7 milhões de toneladas.

De acordo com a Embrapa, análises da Central de Inteligência de Aves e Suínos (www.embrapa.br/suinos-e-aves/cias/mapas) mostram que a produção de milho tem acompanhado basicamente o crescimento da produção de suínos e aves na Região Sul. 

 

Ano/Produto*

2000

2010

2018

Milho

14.062

22.836

19.237

Abate Aves

3.101

6.245

7.875

Abate Suínos

1.048

2.058

2.622

 

Fonte: Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa/IBGE

*Em mil toneladas, variação 2000 a 2018.


O milho para atender o déficit no abastecimento da indústria de suínos e aves tem origem, geralmente, nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, e percorre até 2 mil km para chegar a Rio Grande do Sul e Santa Catarina. O Governo desse último estado avalia a possibilidade de trazer milho do Paraguai, num projeto chamado “Rota do Milho”, um caminho de cerca de 350 km até o oeste catarinense, região do estado que mais consome o cereal.

É neste cenário que acontece a MISOSUL, evento que vai reunir diversos segmentos do complexo agroindustrial do milho e do sorgo. Além do abastecimento de milho na Região Sul, também serão temas da reunião a agricultura conservacionista aplicada a sistemas de produção de milho e sorgo, e potencial e desafios no uso da silagem. “Vamos discutir a importância econômica do milho pelas diversas formas de sua utilização, que vão desde a alimentação animal até a indústria de alta tecnologia. Um espaço que assume representatividade com a participação do maior número de atores envolvidos e com a diversidade de opiniões”, avalia a pesquisadora Jane Machado, da Embrapa Milho e Sorgo, que faz parte da comissão organizadora do evento.

A promoção da MISOSUL 2019 é da Epagri-SC, com a realização da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Oeste de Santa Catarina, e apoio da Embrapa, Emater-RS, IFRS, SEAPI-RS, UTFPR, SETREM, UFRGS, UNOESC, DDPA e UFFS.

Serviço:

Reunião Técnica Sul-Brasileira de Pesquisa de Milho e Sorgo (MISOSUL)
12 a 14 de agosto de 2019
UNOCHAPECÓ, Chapecó-SC
www.abms.org.br/misosul/paginas/

 

Texto: Joseani M. Antunes (MTb 9693/RS)
Jornalista / Embrapa Trigo
Contato:  
Telefone: (54) 3316-5860

 

Edição: Guilherme Viana (MTb 06566/MG)
Jornalista / Embrapa Milho e Sorgo
Contato: milho-e-sorgo.imprensa@embrapa.br
Telefone: (31) 3027-1905

 

  COMENTÁRIOS  
 
Nome Completo
E-mail
Comentário
OBS.: Os comentários são previamente analisados antes de sua publicação.
 
 
 
 
  ESPAÇO DO LEITOR
 
imagem de envelope

Entre em contato com a equipe que produz o jornal eletrônico Grão em Grão. Sugira reportagens, temas para serem abordados nos artigos, eventos, enfim, emita seu ponto de vista sobre o jornal. Você tem duas maneiras de interagir conosco:

por e-mail: cnpms.nco@embrapa.br ou
por telefone: (31) 3027-1272

  CADASTRO
 

Para se cadastrar e receber nosso informativo via e-mail, clique aqui.

Acesse também o nosso jornal no endereço http://grao.cnpms.embrapa.br

Caso queira, a qualquer momento, cancelar o recebimento do informativo, clique aqui ou envie uma mensagem para cnpms.nco@embrapa.br solicitando a retirada de seu nome da lista de leitores.

  EXPEDIENTE
 

O jornal eletrônico Grão em Grão faz parte do Programa de Comunicação Organizacional da Embrapa Milho e Sorgo.

Supervisor do NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional): Aurélio Martins Favarin

Jornalistas responsáveis: Guilherme Viana (MG 06566 JP), José Heitor Vasconcellos (RJ 12914 JP), Marina Torres (MG 08577 JP) e Sandra Brito (MG 06230 JP)

Desenvolvedor: Luiz Fernando Severnini

Programador Visual: Alexandre Esteves Neves

Edição: NCO (Núcleo de Comunicação Organizacional)

Revisão: Antonio Claudio da Silva Barros

Fotos desta edição: Danilo Estevão, Paulo Odilon Kurtz, Pedro Scheeren, Renata Silva, Vladimir Moreira, Núcleo de Comunicação Organizacional (NCO) da Embrapa Milho e Sorgo

Chefia da Embrapa Milho e Sorgo: Antônio Álvaro Corsetti Purcino (chefe-geral), Sidney Netto Parentoni (chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento), Derli Prudente Santana (chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia) e Jason de Oliveira Duarte (chefe-adjunto de Administração)

 
logo da Embrapa